TLAXCALA تلاكسكالا Τλαξκάλα Тлакскала la red internacional de traductores por la diversidad lingüística le réseau international des traducteurs pour la diversité linguistique the international network of translators for linguistic diversity الشبكة العالمية للمترجمين من اجل التنويع اللغوي das internationale Übersetzernetzwerk für sprachliche Vielfalt a rede internacional de tradutores pela diversidade linguística la rete internazionale di traduttori per la diversità linguistica la xarxa internacional dels traductors per a la diversitat lingüística översättarnas internationella nätverk för språklig mångfald شبکه بین المللی مترجمین خواهان حفظ تنوع گویش το διεθνής δίκτυο των μεταφραστών για τη γλωσσική ποικιλία международная сеть переводчиков языкового разнообразия Aẓeḍḍa n yemsuqqlen i lmend n uṭṭuqqet n yilsawen dilsel çeşitlilik için uluslararası çevirmen ağı

 19/01/2021 Tlaxcala, the international network of translators for linguistic diversity Tlaxcala's Manifesto  
English  
 William Blum 
Author /   William Blum
William Blum
Biographies available: English  Deutsch  Italiano  Português/Galego  Français 

 


William Blum

 

William Blum (nascido em 1933) é um autor US-americano, historiador e também crítico da política externa dos EUA. Na faculdade, estudou ciências contábeis. Posteriormente, ocupou um cargo de informático de nível inferior no Departamento de Estado em meados dos anos 60. Sendo inicialmente um fervoroso anticomunista com sonhos de se tornar futuramente funcionário do Serviço de relações exteriores, afirma que se desiludiu com os rumos da guerra do Vietnã.

Deixou o Departamento de Estado em 1967. Tornou-se então um dos fundadores e editores do Washington Free Press, o primeiro jornal de “mídia alternativa” (no Brasil, “imprensa marrom” [NT]) na Capital. Escreveu e publicou em 1969 uma exposição sobre a CIA na qual revelou os nomes e endereços de mais de 200 funcionários da Agência. Trabalhou como jornalista freelance na América do Sul, EUA e Europa. De 1972 a 1973 Blum trabalhou como jornalista no Chile, onde reportou a “experiência socialista” do governo Allende. Trabalhou em Londres, em meados dos anos 70 em associação com o ex-agente da CIA Philip Agee “em seu projeto de expor a CIA, seu pessoal, e seus delitos”. Sustenta-se através de seus escritos e com palestras em campi universitários.

Blum dedica, em seus escritos, uma atenção especial à CIA e seus planos e intervenções em assassinatos. Descreve-se como um socialista. Atualmente Blum edita e coloca em circulação um boletim mensal intitulado “The Anti-Empire Report” (O Relatório Antiimpério).

Livros

1986:  The CIA: A Forgotten History (A CIA: Uma história esquecida) - (Zed Books) ISBN 0-86232-480-7

2000: Rogue State: a guide to the World’s Only Superpower (Estado Desonesto: Um guia para a única superpotência mundial) - (Common Courage Press) ISBN 1-56751-194-5

2002: West-Bloc Dissident: A Cold War Memoir (Dissidente do Bloco Ocidental: Memórias da Guerra Fria) - (Soft Skull Press) ISBN 1-56751-306-9

2003: Killing Hope: U.S. Military and CIA Interventions Since World War II (Matando a Esperança – (Os EUA e suas intervenções militares e da CIA desde a Segunda Guerra Mundial) - (Common Courage Press) ISBN 1-56751-252-6

2004: Freeing the World to Death: Essays on the American Empire (Libertando o mundo à morte – Ensaios sobre o Império US-Americano) - (Common Courage Press)

 

2013: America's Deadliest Export: Democracy - The Truth About US Foreign Policy and Everything Else (Democracia , o produto de exportação mais mortal dos EUA - A Verdade Sobre Política Externa dos EUA e tudo o resto)

 





URL: https://williamblum.org

URL of this page : http://www.tlaxcala-int.org/biographie.asp?ref_aut=407&lg_pp=pt


 All Tlaxcala pages are protected under Copyleft.